O que procurar num criador?

Como encontrar um criador:

Fez uma pesquisa minuciosa, leu tudo disponível, discutiu o tópico com todos os moradores de sua casa e o consenso é que deveria adquirir um Alaskan Malamute para sua casa! Maravilhoso! E agora? Como e onde vai encontrar um cachorro Alaskan Malamute? Há vários meios para procurar. Organizações como o Clube de Português de Canicultura, o Clube Português dos Cães Nórdicos, exposições caninas também são um grande lugar para procurar ou pelo menos para conversar e conhecer melhor o criador.

Agora que encontrou um ou mais criadores com exemplares que gosta, faça uma lista de perguntas e leve-a consigo de forma que não se esqueça. Esta lista deve incluir, sem querer ser exaustivo:

a) No programa de selecção e criação dos cachorros procurou-se criar exemplares saudáveis, com temperamento dócil, conforme o estalão da raça ?

b)Os cachorros foram e são devidamente socializados de acordo com as suas necessidades?

c) Os progenitores dos cachorros são mostrados nas Exposições caninas ou estão em sintonia com as características da raça?

d) O criador oferece garantias de saúde por escrito e em que condições um cachorro de substituição é oferecido?

e) São os progenitores livres de todas as doenças hereditárias conhecidas na raça e devidamente certificados? Estas certificações estão disponíveis para exame? Se não, porquê?

Assumindo que todas as perguntas são respondidas positivamente, você pode proceder agora ao próximo passo, o de seleccionar um criador, a visita de casa.

Qualquer criador respeitável ficará contente em mostrar o seu canil, os cachorros, os pais e os outros animais. Que maior oportunidade para partilhar com outrém a beleza dos seus cães e as suas realizações. Também é a melhor oportunidade para conhecer a pessoa a quem está a ponto de confiar com a tarefa importante de lhe proporcionar um novo membro da família.

Verifique se a área onde está o cachorro é limpa, livre de excrementos e sujeiras? Os pais são amigáveis, saudáveis, limpos e amáveis? É importante conhecer os ascendentes, mesmo não disponíveis, o criador deveria poder mostrar alguns quadros ou até mesmo um vídeo, junto com cópias das suas realizações e certificados de saúde. Também, dependendo da idade deles/delas pode nem chegar a ver os cachorros. A maioria dos criadores responsáveis não quer arriscar a introduzir um vírus prejudicial ou contaminante no cachorro ". Deve porém, poder ver a mãe. Lembre-se, ela pode não estar no seu melhor, a gestação e a lactação dos cachorros abalou-a certamente. Avalie o temperamento dela. Regra geral: Se você não gosta dos pais, não compre o cachorro, não importa o quanto atraente é; todos os cachorros parecem adoráveis, os pais ditam o que eles serão como adultos.

Finalmente, e o mais importante. Avalie o criador, cara a cara. Ele ou ela respondem ás suas perguntas honestamente, e parece ansioso para o educar na raça? Ele ou ela parecem ter conhecimento nos vários assuntos relacionados à raça e nos cachorros em geral? Ele ou ela pergunta-lhe sobre a sua habitação e estilo de vida, ou até mesmo lhe pede que preencha um questionário? O criador responsável mostrará interesse em onde os cachorro irão viver. Se não, procure em outro lugar. O facto de os pais serem livres de desordens genéticas, não significa que o cachorro os possa adquirir; está apenas a reduzir os riscos. O desenvolvimento do cachorro vai depender grandemente da educação que lhe dará, nutrição, cuidados de saúde, o treino e o afecto . Você deveria poder contar com o criador para o ajudar com conselhos em qualquer coisa que necessite, e o criador responsável empreenderá este papel com prazer.

Não compre um cachorro cujo os pais, criadores ou ambiente não confie.

O criador responsável proporcionará um plano de vacinações do cachorro, o pedigree e o respectivo registo no LOP( Livro de Origens Português ) e um contrato escrito e respectivas garantias.

Por favor siga isto ou guias semelhantes quando pensar em comprar um cachorro Alaskan Malamute.

É Esta A Sua Raça Preferida?

Se procura um cachorro que:

Proteja a sua casa;

O adore como o senhor e mestre;

Responda a todos os seus comandos;

Não suje o quintal;

Realmente veio ao lugar errado!

Se porém, está á procura de um amigo para compartilhar o seu estilo de vida activo com gosto prazer e dedicação, esta pode ser a sua raça.

O Malamute é um cachorro maravilhoso, mas não é para todo o mundo. Requer uma mão firme, socialização cedo com outros cachorros e pessoas, e exercício para permanecer mentalmente e fisicamente excelente. Você tem que se afirmar como " alpha" (chefe da casa), desde o início, e manter essa posição.

Se pretende usar o seu Malamute como um cachorro de guarda, tenha um trenó à mão. Deste modo o assaltante pode fazer algum uso dele para arrastar as suas preciosidades. Embora o tamanho impressionante dele possa desencorajar um assaltante, não conte com o seu Malamute para guardar os seus bens pois o que o assaltante vai ter é um abanão da cauda como que dizendo "queres brincar"?. Se o pelo no chão ou no sofá ou se o frango do almoço desaparecer e você não tolere isto então esta pode não ser a raça certa para si. O ideal era o cachorro além de conviver dentro de casa com a família ter ainda um canil só para ele cercado e vedado.

Os Alaskan Malamutes são pacientes com crianças mas, como cachorros de grande tamanho, devem ser supervisionados durante a brincadeira. Para pessoas atléticas ou activas, os Malamutes são ideais. Eles estão qualificados para caçar e pescar, carregar e puxar, caminhar e transportar, e superar pesos enormes. Há indivíduos que fazem obediência, mas esses são cachorros excepcionais com donos excepcionais. Isto não significa que você não deva matricular o seu Malamute num curso de obediência; é uma condição para possuir um cachorro grande e poderoso. Uma combinação sensata de amor e disciplina fará de um Malamute um companheiro dedicado e fiel.